segunda-feira, 24 de abril de 2017

Vencedores do passatempo A Bola Amarela

Parabéns à Ana Cristina Vieira, à Maria Arosa e à Ana Rita Ribeiro. São as 3 vencedoras do passatempo A Bola Amarela.

Participações:



"Acredito na sina e na sorte; acredito no destino e que nada neste mundo é arbitrário ou obra do acaso. Agora, acho-o reconfortante, porque tenho a certeza de que nada acontece por acaso (...)"
"O dia em que te conheci", Rowan Coleman

Ana Cristina Vieira


A mulher que cada dia queria estar mais magra
Era uma vez uma mulher que cada dia queria esta mais magra. Acordaba e tomaba seu pequeno almoço, um chá ligeiro. O seu almoço era ler um bocado do seu livro de receitas para emagrecer. Ao lanche era capaz de beber um chacinho e mergulhar nele uma migalha de biscoito. Por fim, jantava uma coisa leve para não ir com o estómago cheio e assim este não lhe permitese descansar bem. Como ceia lia o seu livro de receitas. Um dia adormeceu e a sua  familia não a encontraba por lado nenhúm. Estava a fazer de marcapáginas do seu livro.

Maria Arosa


Plié
Abri. Folheei. Comecei a ler e, discretamente, coloquei-me em bicos de pés para voltar ao palco do ginásio da minha escola. 
Atuávamos depois do Zé das Moscas. Atrás das cortinas, as outras meninas ensaiavam novamente a coreografia e o Jimmie Jack, que tinha um olho verde e o outro azul, perfeito no seu papel de pirata, recitava o texto pela última vez. Logo que puseram a tocar o Lago dos Cisnes entrámos aos saltinhos e, numa meia lua, começámos a dançar. Com passos envergonhados aproximei-me do microfone e, sorrindo de orelha a orelha, fitei o público à procura do olhar do meu pai. Quando eu era pequenina, levaram-me ao bailado… Mais dois passos de ballet e despedimo-nos com uma vénia.
A atuação na festa final do 2º ano vive ainda na minha memória. Não voltei a ver o poema que disse naquele final de tarde, até ontem. Sentada à mesa da biblioteca, li recordações e emoções nessa nostálgica página. O poema: estava igual, era impossível não ser lembrado. A melodia não se esquece!

Ana Rita Ribeiro



domingo, 23 de abril de 2017


sábado, 22 de abril de 2017



sexta-feira, 21 de abril de 2017


quinta-feira, 20 de abril de 2017


Os sentidos trazem-nos apenas
uma ínfima parte do mundo. 
Lá fora há um mundo invisível 
que os nossos sentidos 
não conseguem apreender.

(E cá dentro, o que haverá?)


quarta-feira, 19 de abril de 2017



Tu és tudo o que aprendeste.
Tu és o que recordas. 
A memória és tu.

(Tu és também os livros que leste 
e os livros que planeias ler...)


quinta-feira, 13 de abril de 2017

Passatempo A Bola Amarela



A Bola Amarela é um livro que nos surpreende em cada página. Na sua busca por uma bola perdida, Luís e Luísa, os protagonistas, não sabem nunca que cenários e personagens vão encontrar pela frente. Porque, de facto, pode mesmo ser tudo: a savana, um bar, o céu (e Deus em pessoa), um bar, um campo onde um burro pasta tranquilo...
E os estimados leitores, já vos aconteceu serem surpreendidos com uma página incrível que vos marcou para sempre?
É isso que gostávamos que nos contassem.

Os 3 melhores parágrafos de prosa à volta deste mote (“qual a página mais surpreendente que encontrei na minha vida de leitor”) ganham um exemplar do livro A Bola Amarela de Daniel Fehr e Bernardo P Carvalho.
Os parágrafos (no máximo com 1000 caracteres, incluindo espaços) devem ser enviados até dia 20/4 para shop@planetatangerina.com.

Os resultados serão comunicados no nosso facebook e blogue no dia 25/4/2017.

***

The Yellow Ball Challenge

The Yellow Ball is a book that surprises the reader in every page. In their search for a lost ball. Luís and Luísa (the main characters) never know the places and characters that will come across their way. Because, in fact, anything can happen: a savannah, the sky (and God himself), a bar, a field where a donkey is grazing...
Dear readers, have you haver been surprised by an amazing and unexpected page that you’ll remember forever?
This experience is what we would like you to tell us.

The 3 best paragraphs around this theme (‘what is the most surprising page I have encountered as a reader’) will win a copy of The Yellow Ball by Daniel Fehr and Bernardo P. Carvalho. 
The paragraphs should have around 1000 characters, including spaces, and must be sent before April 20th to shop@planetatangerina.com.

The winers will be announced in our Facebook  page and blog on April 25th 2017.

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Extra extra!

(cartazes / posters)
(blocos de nota / notebook)

Este mês, todas encomendas feitas na nossa loja trazem um extra. Na verdade dois!
Um belo, belíssimo cartaz do Planeta Tangerina + Um bloco de notas muito útil da nossa coleção PT.
Extra, extra: é aproveitar antes que esgotem!

Campanha válida entre os dias 7 e 30 de abril de 2017, limitada ao stock existente.
Envio de cartazes e blocos de notas, conforme disponibilidade de stock.
A campanha não permite a escolha personalizada dos elementos que fazem parte da promoção.

http://www.planetatangerina.com/pt/loja/extra-extra


***

Extra extra! 

This month, all orders made in our online shop come with a little extra. Actually two extras!
A beautiful Planeta Tangerina poster + A very useful notebook from our Planeta Tangerina collection.
Extra, extra: take advantage before it is sold out!

Campaign valid from April 7th until April 30th 2017, limited to the existing stock.
Posters and notebooks will be sent according to stock availability.
This campaign doesn’t allow a personalized choice of the elements included in this promotion.

http://www.planetatangerina.com/en/shop/extra-extra


segunda-feira, 3 de abril de 2017

Campanha à Bolonhesa


Começa hoje a grande Feira Internacional do Livro Infantil de Bolonha.
A equipa do Planeta Tangerina está prestes a rumar a Itália e, como não podemos levar os leitores na nossa bagagem (haveria certamente muitos candidatos...), propomos esta oferta especial: todas as encomendas feitas até dia 5/4/2017 (a partir de agora e até à meia noite do dia 5) recebem grátis o livro Bologna, A testa in Su, da autoria de Bernardo P Carvalho.

Bologna, A testa in su é um projeto organizado pela Hamelin Associazione Culturale que convida a conhecer a cidade de Bolonha através dos olhos de ilustradores que foram desafiados a desenhar a cidade. O Bernardo já lá esteve e, dessa estadia, resultou este livro a preto e branco, para ser colorido por leitores de todas as idades.


Campanha válida até às 23.59h de 5/4/2017, limitada ao stock existente.

***

Bolognese Campaign

The great Bologna Internacional Children’s Book Fair starts today.

Planeta Tangerina’s team is about to fly to Italy and - since we couldn’t possibly take all the readers in our luggage (we have too many candidates…) - we have a special offer for you: all orders made until April 5th 2017 (from now until midnight of April 5th) will receive a free copy of the book Bologna, A testa in su, made by Bernardo P. Carvalho.

Bologna, A testa in su is a project organised by Hamelin Associazione Culturale that invites you to get to know the city of Bologna through some illustrators perspective. Several illustrators were challenged to draw the city and Bernardo created this black and white book while he was there. This book is meant to be coloured by readers of all ages.


Campaign valid until 11:59 p.m. of April 5th 2017, limited to existing stock.

sexta-feira, 31 de março de 2017

Está aberta a 2.ª edição do Prémio Serpa/ Planeta Tangerina


O Prémio Internacional de Serpa para Álbum Ilustrado resulta de uma colaboração entre o município de Serpa, no Alentejo, e a editora Planeta Tangerina e tem como objetivo valorizar a qualidade literária e artística no suporte álbum ilustrado e incentivar a criação de novos projetos.

Da primeira edição, em 2015, resultou a edição do livro “Mana” de Joana Estrela, editado pelo Planeta Tangerina e já traduzido para francês, espanhol e coreano. Este ano, quem será o vencedor?

Enviem-nos as vossas propostas até dia 29 de setembro de 2017.

Novo regulamento já disponível aqui.


***


Serpa International Prize for Picture books:  the 2nd edition is opened

Serpa City Council, in collaboration with the publisher Planeta Tangerina, is pleased to promote the second edition of the biennial International Serpa Award for Picture Books, whose goal is to develop  the literary and artistic quality of the Picture Book and to foster the creation of new projects in this area.

“Mana” by Joana Estrela, the winner of the first edition, has been published by Planeta Tangerina and already translated to French, Spanish and Korean. Who will be the next winner?

Send us your projects!

Deadline: 29th September 2017
New regulations, here.



sexta-feira, 24 de março de 2017

Novidade: A Bola Amarela

A segunda novidade da temporada acaba de chegar!

Em busca de uma bola desaparecida, Luís e Luísa mergulham nos bastidores do livro que lhes serve de campo de ténis.
A aventura vai levá-los através de todo o tipo de cenários e obrigá-los a correr as páginas para trás e para a frente, seguindo todas as pistas.
E os leitores?
Os leitores, que remédio!, terão de fazer o seu trabalho para que a história (que é como quem diz, o jogo) chegue ao fim.
Que não lhes falte o fôlego!

Um livro muito divertido ilustrado por Bernardo P. Carvalho que põe de novo o livro-objeto no centro da ação.

Ideia original: Daniel Fehr
Textos: Daniel Fehr e Bernardo P. Carvalho
Ilustrações: Bernardo P. Carvalho

http://www.planetatangerina.com/pt/loja/novidade-a-bola-amarela

***

New arrival!

Looking for a missing ball, Luís and Luísa plunge behind the scenes of the book they use as a tennis court.
This adventure will take them through all kinds of territories and will make them turn the pages backwards and forwards, following clues.
And what about the readers?
The readers, well, they will have to work it out, so the story (and the game) comes to an end. Good luck to them!

A very funny book, with illustrations by Bernardo P. Carvalho, that puts the book-object at the heart of the action.

http://www.planetatangerina.com/en/shop/new-a-bola-amarela

terça-feira, 21 de março de 2017

Promoção de Primavera


Faz hoje exatamente três anos que pusemos os dois pés Lá Fora!
O guia para descobrir a natureza editado pelo Planeta Tangerina saiu no equinócio da primavera de 2014, com vontade de fazer sair todos à rua. Desde então, nuvens, estrelas, árvores, minhocas, borboletas ou aves têm recebido a atenção especial de
muitos pares de olhos!
Desde esse equinócio também, o livro foi já traduzido e adaptado para muitas outras línguas e territórios: França, Itália, Espanha, Inglaterra e EUA, Holanda, Rússia e até a China.

Se ainda não têm o Lá Fora na vossa prateleira ou gostavam de o oferecer a alguém, aproveitem agora.

Para celebrar esta data importante (e também para celebrar a chegada da primavera), vamos ter uma campanha especial na nossa loja online, com um desconto de 40% na compra do LÁ FORA.


Campanha válida entre os dias 21 e 28 de março de 2017, limitada ao stock existente.
Desconto de 40% sobre o preço de capa.

http://www.planetatangerina.com/pt/loja/promocao-de-primavera

***

Spring Sale

Today celebrates the 3rd year anniversary of the 1st edition of ‘Lá Fora’ (Outside)!
The guide to discover nature published by Planeta Tangerina was released in the equinox of Spring 2014 and it made everyone want to go outside.
Since then, clouds, stars, trees, worms, butterflies and birds have received special attention from many people.
Since that equinox the book has also been translated and adapted to many other languages and territories: France, Italy, England and USA, Netherlands, Russia and even China.

If you don’t have a copy in your bookcase or you would like to give it as a gift, this is your chance!

To celebrate this important date (and also the arrival of Spring) we're having a special campaign in our online shop with a 40% off discount in the book ‘Lá Fora’ (Outside).

This campaign is valid between March 21st and 28th 2017 and is limited to the existing stock.

Discount of 40% from the original cover price. 

segunda-feira, 20 de março de 2017

Novidade: A rainha do Norte





A primeira novidade da temporada está a chegar!

Ser estrangeiro num país longínquo não é fácil. E ser feliz para sempre também não. Que o diga a rainha desta história. No seu caso, a tristeza já durava há tanto tempo que o rei começou a ficar seriamente preocupado. Habituado a comandar exércitos e a enfrentar inimigos com a sua espada, desta vez, porém, o rei não sabe contra quem lutar.

Afinal que mal é este que tira todas as forças à rainha?
E como o combater?

A partir da Lenda das Amendoeiras em Flor, Joana Estrela cria uma história para todas as idades que deixa entrar solidão, saudade e tristeza. E também a reaprendizagem que é preciso fazer
para seguir em frente.

Já disponível na nossa loja online (http://www.planetatangerina.com/pt/loja/livros/a-rainha-do-norte) e a caminho das melhores livrarias.

***


New arrival!

Being a foreigner in a far far away country isn’t easy. Being happy for ever after isn’t easy either. The queen of this story knew that. She was sad for so long that the king began to be seriously concerned. The king was used to command his troops and to fight enemies with his sword, but this time he had no one to fight with.

What was this illness that drained every strength from the queen?
And how should he fight it?

Drawing inspiration from the portuguese Legend of the Almond Trees, Joana Estrela tells a story for all ages that involves loneliness, longing and sorrow. And what we must learn in order to move on.

Already available on our online shop, here: http://www.planetatangerina.com/en/shop/books/a-rainha-do-norte.

quarta-feira, 15 de março de 2017

Vencedores do passatempo Chaca Chaca









Parabéns aos vencedores!
Depois de nos terem deliciado com surpreendentes pratos, a Lúcia, a Eva, a Mariana, a Margarida e o Micael vão levar para casa um livro "Batata chaca chaca", autografado pela chef Yara Kono.

(os vencedores serão contactados via e-mail!)


quinta-feira, 9 de março de 2017

Este passatempo faz chaca chaca!





































Se gostavam de provar o sabor de uma batata chaca chaca, sigam as instruções:


1. Imprimir esta imagem em tamanho A4 e preenchê-la ao vosso gosto.
Nota: para a imagem ficar no tamanho A4, basta fazer clique sobre a mesma, gravar e imprimir em tamanho real.

2. Cozinhar a folha com muita imaginação e sabor.

3. Enviar a página preenchida em formato PDF (peso até 1 MG) para o mail: shop@planetatangerina.com, até ao dia 13/3 (próxima 2.ª feira).

Yara Kono e outros dois cozinheiros (de livros) do Planeta Tangerina irão escolher os pratos premiados.
Os 5 trabalhos escolhidos pelo júri, receberão um exemplar do livro “Batata chaca chaca”, autografado pela autora.

Pontos que serão valorizados: originalidade, expressão plástica e/ou escrita.
O passatempo não tem limite de idade de participação.
Os resultados serão comunicados na 4.ª feira, dia 15/3, via blogue e facebook.

Bons cozinhados, bom apetite!


quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Good books first, Mr Trump!




A versão em língua inglesa do "Daqui Ninguém Passa!" ("Don't cross the line!"; Gecko Press; tradução Daniel Hahn) foi selecionada para a lista 2017 USBBY Outstanding International Books.

A lista de honra do USBBY seleciona os livros internacionais (isto é, livros publicados nos EUA, mas com origem noutro país) que mais se destacaram em cada ano, procurando dar a conhecer o que melhor se faz na área da literatura infanto-juvenil noutros países,

Obrigada à sempre atenta Ana Margarida Ramos pela boa notícia.

"Mary John" na RTP3



Depois dos anúncios, não percam Ana Pessoa e "Mary John" no programa Os Livros da RTP3.

Para ver aqui!

Purple Island


Yara Kono ganha Ilha Púrpura em Nami com o livro "Imagem" (poema de Arnaldo Antunes, ilustração de Yara Kono) editado pelo Planeta Tangerina.

Notícia no Público

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Vencedores do passatempo "Mary John"



Ana Pessoa já escolheu, em pessoa, os vencedores do passatempo:

"Foi tão bom ler estas cartas. Gostava de responder a todas elas. Falam de amor e de urgência. De ausência. E também de perda. Cartas à avó, à mãe, à filha, ao irmão, à irmã. Cartas ao papa, a uma amiga, a uma colega de trabalho. Li uma carta em forma de poema e outra muito engraçada sobre um chapéu. Uma carta dirigida a um "eu" do passado e uma outra carta para um "eu" do futuro. Umas cartas eram muito pessoais e outras menos. No final desta maratona de cartas escolhi uma carta doce que fala de sonhos e mangas, uma carta espectadora que observa os prédios e as vacas, e uma carta alienada sobre extraterrestres e universos paralelos.

Parabéns aos vencedores! Espero que gostem da carta da Mary John."

E os vencedores são:
- Marta Sales
- Júlia Zuza
- Beatriz Costa



Textos seleccionados:


Querida Emília,

sonhei essa noite com você. Um desses sonhos malucos que a gente acorda e sorri. Foi assim: nós duas estávamos na praia como fazíamos nas férias de janeiro, lá em Caraíva. Você lembra que aquela casa em que a gente ficava era cheia de mangueiras e tinha muitas janelas azuis? Era tão bom acordar, pegar manga do pé e correr pro mar. Quanto tempo faz isso? Uns 20 anos? 

No meu sonho a gente estava novamente em Caraíva, comendo manga na beira da praia. Procuramos tatuí, tomamos sol, boiamos na água e acendemos uma fogueira na areia. De repente começou a chover forte e você conseguiu levar a fogueira acesa para debaixo de uma árvore (até nos sonhos você consegue façanhas incríveis). Nessa hora apareceu meu chefe e nos convidou para ir à casa dele, que na verdade, era o apartamento atual da mamãe. Houve um almoço e mamãe tocou Caetano no violão (onde foi parar aquele violão desafinado dela?), voltamos pra praia e brincamos de boiar na água. Essas maluquices gostosas de sonho. Porém mais louco ainda é pensar que é esse mesmo oceano que agora nos afasta: cada uma em um continente, cada uma com sua própria faixa de areia. E essa carta amanhã vai sobrevoar o mesmo mar e nos unir novamente, irmã. 

Comprei mangas hoje em sua homenagem. Toda manga tem um saborzinho de verão na Bahia; toda janela azul de Lisboa me lembra de você, minha pequena sereia. 
Me espere pro mergulho que eu chego já.

Um beijo,

Júlia


____


Caro Comandante Terráqueo-Intergaláctico Almeida

Deve estar já a estranhar o facto de o tratar por terráqueo e pensar que a exploração de extraterrestres me subiu à cabeça. Contudo, vem esta carta explicar-lhe as peripécias da minha viagem. Isto se porventura chegar ao destino e for o próprio comandante a lê-la. Porém, se não é o comandante Almeida o leitor deste escrito, deverá ainda assim continuar a leitura e contar a quem de respeito o que lhe conto por estas palavras e não outras.

Relatarei então o sucedido:

Ao vigésimo segundo dia de viagem da expedição a bordo da nave K-612, em busca de vida extraterrestre pelo Sistema Solar 13, perdemos controlo de um dos propulsores da nave numa tempestade de meteoros. Sendo eu a mecânica de serviço nesta missão, dediquei-me à reparação do motor mas algo correu mal (e poderia ter corrido ainda pior): o propulsor começou a trabalhar quando ainda me encontrava do lado de fora da nave e a única imagem que retenho é a da K-612 a diminuir no meu campo de visão até se confundir com os astros mais brilhantes do horizonte galático.

Pensei que morreria aí, mas depois de um longo sono acordei para ver o meu camarada Hugo que me sacudia esperando sinais de vida. Ainda em estado debilitado, a equipa levou-me de volta à base espacial na Terra onde fui internada. Já cá me encontro há vários dias, talvez semanas, mas desde que comecei a recuperar tenho notado certas estranhezas e sei agora por certo que NÃO ME ENCONTRO NA TERRA.
Tudo aqui é exatamente semelhante ao que conhecia mas numa imagem assustadoramente inversa. Devo apressar-me a acabar esta carta que tento escrever com a mão esquerda para não suspeitarem da minha intrusão. O "Comandante Almeida" tem vindo visitar-me todos os dias pois fora o seu filho, um igual ao Hugo, que me salvara! Querem a todo o custo saber quem sou e de onde venho, mas tenho medo de lhes contar a verdade...

Estou presa num universo paralelo e temo pelo que acontecerá se me encontrar a mim própria!

Ajude-me

Elyia Souza


____































quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

"Nuvens"


Este sábado, 21 de Janeiro, arranca o segundo atelier na Casa da Avenida, das 10h às 12h30. Será dedicado às “Nuvens” e dinamizado pela Margarida Costa, com a participação do meteorologista Luís Pessanha.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Calendário 2017!




Queridos leitores,

Relembramo-vos que, até final do mês de Janeiro, todas as encomendas feitas na nossa loja on-line recebem, grátis, um calendário de 2017 do Planeta Tangerina, com ilustração de Yara Kono.

Mais informação aqui:
http://www.planetatangerina.com/pt/loja/calendario-2017-o-ano-e-vosso-o-nosso-calendario-tambem-pode-ser

Ilustrações chaca chaca em Bolonha




As ilustrações chaca chaca da chaquíssima Yara Chaca Kono acabam de ser selecionadas para a Exposição de Ilustração da Feira de Bolonha.

Yaka Chaca e Marta Monteiro são as duas portuguesas selecionadas! Parabéns.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

"Mary John"




Carla Maia de Almeida no Jardim Assombrado sobre “Mary John”:

“Para quem tem seguido o percurso da escritora, é óbvio que Mary John representa um salto de gigante, um golpe certeiro feito de risco e ousadia, quer no domínio da linguagem estilística quer na incursão por temas tidos como tabu. Raro, muito raro um romance juvenil que se aventura pelos temas da sedução amorosa, da descoberta do corpo e da sexualidade sem nunca resvalar para o lugar comum nem para a moralidadezinha.”

http://ojardimassombrado.blogspot.pt/2017/01/mary-john-salto-de-gigante_9.html

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

"Ahí fuera” recomendado no jornal Confidencial

























“Ahí fuera” já saiu e recomenda-se

Gustavo Puerta Laisse, no jornal Confidencial, faz a lista anual de recomendações literárias destinadas aos leitores mais jovens, escolhendo como tema os livros informativos e científicos. “Ahí fuera”, a edição em língua espanhola do “Lá Fora (editada pela Geoplaneta) faz parte da listagem.

(Vale a pena ler a introdução. Diz coisas importantes sobre o mundo dos livros.)

“Sorprende que en un época en la cual los multimedia tienen la capacidad de reproducir con asombrosa fidelidad el mundo natural, la tendencia editorial ha sido la de apostar por la ilustración artesanal. Saturados de alta definición y supuesta interactividad, es muy probable que muchos niños descubran en estos libros un espacio para la imaginación y el juego que no encuentran en las nuevas tecnologías.”

↓↓↓
http://www.elconfidencial.com/cultura/2016-12-22/mejores-libros-regalar-literatura-infantil-y-juvenil-ciencia_1307685/

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Teatro Maria Matos







De 12 a 15 de Janeiro, o teatro Maria Matos apresenta uma peça encenada a partir do livro “A Manta”.

Texto: Isabel Minhós Martins
Criação e direção artística: Romeu Costa
Interpretação: Carla Galvão
uma encomenda Maria Matos Teatro Municipal

→ DIAS DE SEMANA: 10H / SÁBADO: 16H30 / DOMINGO: 11H E 16H30

+ info

Passatempo Mary John




Qualquer dia escrevo-te. Uma carta, um postal, um bilhete. No final vou assinar o meu nome. Sublinhar o meu nome. Assim: Maria João.


Caros leitores,

A "Mary John" é um livro em forma de carta. Por vezes é uma carta de amor, outras vezes é uma carta de reclamação.

Temos aqui 3 exemplares autografados pela Ana Pessoa e pelo Bernardo P. Carvalho para oferecer aos leitores mais destemidos.

Quando foi a última vez que escreveram uma carta?
Uma carta a sério, à moda antiga, a começar com palavras do género "Estimado Amigo", "Querida Maria João" ou "Ex.mo Senhor"?

Pois bem. Desafiamo-vos a escrever uma pequena carta (200 a 300 palavras) dirigida a quem quiserem.

Uma carta ao pai, à madrinha, a um ex-namorado, ao presidente da República, à professora primária, à Ana Pessoa, ao Bernardo P. Carvalho.

As cartas devem ser enviadas até dia 13/1/ 2017 para o e-mail: shop@planetatangerina.com, referindo no assunto “Passatempo Mary John”.

Ana Pessoa, em pessoa, fará a seleção das melhores cartas!

O Planeta Tangerina, em pessoa, comunicará aqui os vencedores no dia 20/1/2017 e enviará os 3 preciosos livros aos 3 remetentes epistolares mais inspirados. As melhores cartas serão publicadas, na íntegra, na nossa página de facebook.

(No final, não se esqueçam de assinar o vosso nome. Sublinhar o vosso nome. Assim.)

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017